segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Alpha Notícias: PACCAR tem lucro trimestral recorde

 
Resultados positivos na América do Norte e Europa impulsionam excelente desempenho da companhia

Texto e Fotos: Assessoria de Imprensa

A PACCAR ganhou US$447,2 milhões (US$1,26 por ação diluída) no segundo trimestre de 2015, quantidade que representa aumento de 40% em comparação com os US$319,2 milhões (US$0,90 por ação diluída) ganhos no segundo trimestre de 2014.

As vendas líquidas do segundo trimestre e a receita dos serviços financeiros foram de US$5,08 bilhões, um aumento de 11% em comparação com os US$4,57 bilhões no segundo trimestre de 2014.

No primeiro semestre de 2015, a PACCAR relatou lucro líquido de US$825,6 milhões (US$2,32 por ação diluída), em comparação com os US$593,1 milhões (US$1,67 por ação diluída) em 2014, o que representa um aumento de 39%.

As receitas das vendas líquidas e dos serviços financeiros do primeiro semestre de 2015 foram de US$9,91 bilhões, 11% maior que os US$8,95 bilhões no ano passado. “A PACCAR obteve lucro líquido recorde durante o segundo trimestre de 2015”, afirma Ron Armstrong, CEO.

“Os excelentes resultados financeiros da PACCAR refletem os ganhos obtidos com o aumento das vendas de caminhões na América do Norte e Europa, o lucro trimestral recorde de peças no mercado pós-venda, e os resultados robustos nos serviços financeiros em nível mundial. Estou muito orgulhoso de nossos 24.500 colaboradores, que entregaram resultados excelentes aos nossos acionistas e clientes”.

“A PACCAR está celebrando 110 anos de sucesso em 2015. Estamos muito satisfeitos por termos obtido um lucro trimestral recorde neste ano que é um marco para nós”, disse Armstrong.

“A PACCAR tem focado nos investimentos para o futuro crescimento de nossos principais mercados, ao mesmo tempo em que expandimos nossa presença nos mercados emergentes.

Nos últimos sete anos, a PACCAR colocou no mercado os novos veículos da Kenworth, Peterbilt e DAF, iniciou a produção dos eficazes motores PACCAR MX, na América do Norte, inaugurou a fábrica de caminhões da DAF no Brasil, e aumentou o número de Centros de Distribuição da PACCAR Parts.

Além disso, a empresa expandiu a PACCAR Financial Services internacionalmente, e desenvolveu diversas tecnologias e serviços da indústria para nossos concessionários e clientes da marca. A PACCAR está obtendo excelentes retornos sobre esses investimentos”, acrescenta Armstrong. 

“A PACCAR está bem posicionada para o futuro crescimento dos investimentos nos componentes do trem de força da PACCAR, expansão geográfica, peças pós-vendas e capacidades de serviço, e nas tecnologias para caminhões que aumentam a eficiência do combustível, a segurança e a confiabilidade”, conclui. 

A Kenworth e a Peterbilt lançaram novas tecnologias de veículos que oferecem aos clientes informações de diagnóstico em tempo real para otimizar a performance operacional de seus veículos. 

Os sistemas de diagnóstico Kenworth TruckTech+ e Peterbilt SmartLinq estão sendo produzidos nos novos caminhões Kenworth e Peterbilt Classe 8, que vem com o motor PACCAR MX13. A DAF planeja lançar sua tecnologia de conectividade para caminhões no quarto trimestre deste ano. 

Aumento nos Dividendos Trimestrais Regulares 
 
O Conselho de administração da PACCAR aprovou um aumento de 9% nos dividendos trimestrais regulares para vinte e quarto centavos de dólar (US$0,24) por ação, que eram de vinte e dois centavos de dólar (US$0,22), na reunião do conselho em 7 de julho de 2015. 

Os dividendos trimestrais regulares da PACCAR aumentaram mais de 165% nos últimos seis anos. A PACCAR tem obtido lucro líquido há 76 anos consecutivos, e tem pago dividendos todos os anos, desde 1941. 

 
Destaques Financeiros – Segundo Trimestre de 2015 
 
Os destaques dos resultados financeiros da PACCAR no segundo trimestre de 2015 incluem:

• Vendas líquidas e receitas consolidadas no valor de US$5,08 bilhões.

• Recorde de renda líquida de US$447,2 milhões, 8,8% de retorno sobre as receitas após dedução de impostos.

• Margem bruta de 15,1% sobre Caminhões, Peças e outros.

• Recorde de receita da PACCAR Parts, antes dos impostos, de $145.7 milhões. 

• Serviços Financeiros antes dos impostos de US$90,8 milhões. 

• Caixa operacional e papeis no valor de US$3,28 bilhões. • Geração de caixa no valor de US$710,9 milhões.
 
Destaques Financeiros – Primeiro Semestre de 2015
 
Os destaques dos resultados financeiros da PACCAR no primeiro semestre de 2015 incluem: 

• Vendas líquidas e receitas consolidadas no valor de US$9,91 bilhões.

• Receita líquida de US$825,6 milhões.

• Recorde de receita antes de impostos da PACCAR Parts de US$284,6 milhões.

• Recorde nos Serviços Financeiros antes dos impostos de US$179,8 milhões.

• Geração de caixa operacional no valor de US$1,19 bilhão.

• Emissões de títulos de médio prazo (MTN) no valor de US$1,3 bilhão.

• Renovação das Linhas de Crédito no valor de US$3,0 bilhões.

• Recorde no patrimônio liquido dos acionistas, no valor de US$7,2 bilhões. 

Mercados Globais de Caminhões 
 
Este ano estima-se que as vendas da indústria no mercado de caminhões acima de 16 toneladas, na Europa, fiquem na faixa entre 240.000 e 260.000 veículos, em comparação com as 227.000 unidades vendidas no ano passado, continuando a forte recuperação, que reflete melhoria no crescimento econômico e aumento nas atividades de frete.

Os pedidos da DAF para caminhões acima de 16 toneladas no segundo trimestre aumentaram 60%, em comparação com o mesmo período no ano passado, devido à crescente demanda dos clientes pelos modelos XF e CF, que são líderes da indústria.

A DAF aumentou seu volume de fabricação para atender a esse aumento na demanda”, disse Harrie Schippers, Presidente da DAF. “A DAF é líder de mercado no segmento de caminhões acima de 16 toneladas no Reino Unido, Holanda e Polônia.

Os clientes reconhecem a liderança da marca na qualidade de seus produtos, baixos custos operacionais, e excelente valor de revenda”. Espera-se que as vendas no varejo dos caminhões Classe 8 para os EUA e Canadá em 2015 aumentem para a faixa de 270.000-290.000 veículos, em comparação com as 250.000 unidades vendidas no ano passado.

“Nossos clientes estão se beneficiando da forte tonelagem de frete, boas tarifas de frete e da excelente eficiência operacional dos caminhões Kenworth e Peterbilt”, disse Dan Sobic, Vice-Presidente Executivo da PACCAR. “A demanda de caminhões está sendo impulsionada pelo crescimento econômico e pela expansão da capacidade das frotas”. 

 
PACCAR Parts Obtém Lucro Trimestral Recorde 
 
A PACCAR Parts gerou lucro trimestral recorde antes dos impostos de US$145,7 milhões no segundo trimestre de 2015, o que representa um aumento de 15% em comparação com os US$126,7 milhões obtidos no segundo trimestre de 2014. As receitas do segundo trimestre de 2015 foram de US$776,5 milhões, em comparação com os US$778,0 milhões obtidos no segundo trimestre de 2014. 

O lucro antes dos impostos aumentou 19% para US$284,6 milhões nos primeiros seis meses de 2015, em comparação com os US$238,8 milhões nos primeiros seis meses de 2014. As receitas da PACCAR Parts no primeiro semestre aumentaram 2% para US$1,53 bilhão, em comparação com os US$1,50 bilhão para o mesmo período no ano passado.

O lucro antes dos impostos foi consequência dos resultados nos mercados europeu e norte-americano, e do mix favorável de peças da marca PACCAR e peças proprietárias. As receitas de peças e o crescimento do lucro foram atenuados pelos efeitos das taxas de câmbio das moedas estrangeiras.

“O crescimento econômico e o respectivo aumento na demanda pelo transporte em caminhões, na América do Norte e Europa, estão contribuindo para o negócio de peças e serviços”.

Os 17 Centros de Distribuição de Peças da PACCAR dão suporte a mais de 2.000 concessionários DAF, Kenworth e Peterbilt, que prestam atendimento líder da indústria aos clientes”, disse David Danforth, gerente geral da PACCAR Parts e Vice-Presidente da PACCAR. “O novo centro de distribuição de 16.350 m2 da PACCAR em Renton, Washington, está em construção, com inauguração prevista para meados de 2016”. 

A PACCAR Leasing Comemora 35 Anos e Inicia Operações na Austrália 
 
A PACCAR Leasing (PacLease) está comemorando seu 35º aniversário este ano. Em 1980, a PACCAR criou a PacLease para oferecer soluções integradas e customizadas de leasing, com os caminhões de qualidade Premium da Kenworth e Peterbilt.

Hoje, a PacLease possui uma frota de 38.000 caminhões Kenworth, Peterbilt e DAF, e opera em mais de 560 locais por toda a América do Norte, Europa e, mais recentemente, na Austrália.

“A PacLease oferece serviços inovadores e soluções para ajudar os clientes a atingirem seus objetivos de negócios”, disse Neil Vonnahme, Presidente da PacLease.

Essas soluções tecnológicas, aliadas ao nosso excelente atendimento ao cliente, tornaram a PacLease uma empresa líder na indústria de leasing de caminhões”. Recentemente, a PacLease lançou seus negócios de leasing integrado de caminhões na Austrália, por meio de seus caminhões de qualidade Premium DAF e Kenworth.

O leasing de caminhões está ficando popular na Austrália, à medida que a complexidade do veículo aumenta e os clientes reconhecem o valor dos serviços de gestão de frota. A PACCAR Austrália está alavancando sua rede de concessionários Kenworth e DAF,para atender ao crescente mercado de leasing de caminhões.

A PACCAR Austrália inaugurou sua fábrica em Bayswater, próxima a Melbourne, em 1971. Hoje, Kenworth e DAF são líderes no mercado australiano no segmento de caminhões acima de 16 toneladas, continuando a tradição de qualidade e performance, que são líderes da indústria em um dos ambientes operacionais mais rigorosos do mundo. 


 Empresas de Serviços Financeiros Obtêm Excelentes Resultados 
 
A PACCAR Financial Services (PFS) tem uma carteira de 171.000 caminhões e reboques, com um total de ativos no valor de US$12,30 bilhões. Em 2015, a receita antes dos impostos da PFS no segundo trimestre foi de US$90.8 milhões, em comparação com os US$91,7 milhões ganhos no segundo trimestre de 2014.

As receitas no segundo trimestre de 2015 foram de US$293,8 milhões, em comparação com os US$302,6 milhões no mesmo trimestre de 2014.

Para o período de seis meses, a receita antes dos impostos da Financial Services atingiu o recorde de US$179,8 milhões, em comparação com os US$177,2 milhões no ano passado. As receitas do primeiro semestre foram de US$578,5 milhões, em comparação com os US$596,3 milhões para o mesmo período há um ano.

“Durante o primeiro semestre de 2015, o lucro da PFS aumentou devido ao crescimento nas carteiras, parcialmente compensados pelos efeitos das taxas de câmbio”, disse Bob Bengson, Vice-Presidente Sênior da PACCAR. Os concessionários e clientes desfrutam de soluções e tecnologia de ponta, excelente atendimento ao cliente e o suporte dedicado da indústria de transportes em todas as fases do ciclo de negócio”.

“O excelente balanço da PACCAR, complementado por seu risco de crédito A+/A1, permitem que a PFS ofereça financiamento competitivo no varejo a concessionários e clientes da Kenworth, Peterbilt e DAF em 22 países em quatro continentes”, disse Gerrit Jan Bas, Diretor Administrativo da PACCAR Financial Europe.

“Temos excelente acesso ao mercado de capitais, curto e médio prazo, o que permite que a PFS seja rentável suportando à venda dos caminhões da PACCAR”. 

Investimentos de Capital Aumentam a Eficiência da Fábrica 
 
Os excelentes lucros em longo prazo da PACCAR, o sólido balanço, e o intenso foco em qualidade, tecnologia e produtividade capacitaram a empresa a investir US$5,9 bilhões em projetos de capital, produtos inovadores e novas tecnologias no decorrer da última década.

“Os investimentos de capital no valor de US$325-US$375 milhões e as despesas com P&D no valor de US$225-250 milhões são a meta de 2015 para aprimorar o desenvolvimento do trem de força e investir nas plantas da PACCAR”, comentou George West, Vice-Presidente da PACCAR. Kenworth, Peterbilt e DAF estão otimizando suas instalações de produção de classe mundial este ano para aumentar a eficiência logística.

A fábrica da Kenworth em Chillicothe começou a construir um novo sistema de armazenagem automatizado para cabines, cabines-leito e capôs pintados. A fábrica da Perterbilt em Denton está expandindo suas áreas de despacho e recebimento, e também está construindo um sistema de armazenagem automatizado para componentes pintados.

A DAF planeja iniciar a construção de novas instalações de pintura de cabines mais ecológicas este ano, em sua fábrica de Westerlo, na Bélgica. Essas instalações de pintura aumentarão a capacidade de produção da DAF e utilizarão a tecnologia robótica mais recente, para otimizar a eficiência operacional. 

Atualização da Comissão Europeia 
 
A DAF está cooperando com a Comissão Europeia e está preparando sua resposta à Declaração de Objeções emitida em novembro de 2014. A Declaração expressava a visão preliminar da Comissão de que todos os principais fabricantes de caminhões médios e pesados da Europa, tinham participado de práticas anticompetitivas na União Europeia.

A Comissão indicou que buscará impor multas significativas aos fabricantes. A Comissão revisará as respostas dos fabricantes, antes de declarar sua decisão. Qualquer decisão estaria sujeita a recurso.

A empresa não tem como fazer uma estimativa do valor da multa em potencial, neste momento. A PACCAR é líder mundial em design, fabricação e atendimento ao cliente de caminhões leves, médios e pesados de alta qualidade das marcas Kenworth, Peterbilt e DAF. A PACCAR também projeta e fabrica motores a diesel avançados, oferece serviços financeiros e tecnologia da informação, e distribui peças de caminhão relacionadas ao seu principal negócio.

As ações da PACCAR estão listadas na NASDAQ Global Select Market, símbolo PCAR. Sua homepage é www.paccar.com. Este release contém “declarações preditivas” dentro do significado da Lei de Reforma de Litígio de Títulos Privados (Private Securities Litigation Reform Act)”. Essas declarações estão baseadas nas expectativas atuais da diretoria e estão sujeitas a incertezas e mudanças nas circunstâncias. 

Os resultados reais poderão divergir materialmente dos incluídos nestas declarações, devido a uma grande variedade de fatores. Mais informações sobre esses fatores estão contidas nos arquivos da PACCAR junto à Comissão de Valores Mobiliários.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!