quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Alpha Notícias: BASF oferece segurança e eficiência a projetos de veículos elétricos e híbridos



Plásticos de engenharia feitos sob medida para conectores plug-in de alta tensão seguros e confiáveis 

Texto: Assessoria de Imprensa

A BASF está expandindo sua gama de plásticos de engenharia para o mercado dinâmico de veículos elétricos e híbridos. Os materiais Ultramid e Ultradur feitos sob medida para o segmento estão disponíveis globalmente para equipar tanto o exterior como interior dos veículos com conectores de alta tensão. 

Os graus especiais de poliamida e PBT (poli(tereftalato de etileno)) oferecem benefícios como retardância a chamas, estabilidade de cor, resistência mecânica e isolamento elétrico. Dessa forma, os fabricantes de automóveis conseguem economizar peso e espaço de instalação ao redor da bateria e, ao mesmo tempo, melhoram a segurança em e-mobility.

Um exemplo da aplicação são os conectores para veículos híbridos e elétricos que a TE Connectivity (Suíça) desenvolveu a partir de vários graus de Ultramid para diversas empresas automotivas em parceria com a BASF. "Os componentes para veículos movidos à bateria estão evoluindo o tempo todo e cada fabricante de automóvel tem necessidades particulares", diz Wolfgang Balles, responsável pelo desenvolvimento de produtos híbridos e mobilidade elétrica da TE Connectivity. Franz Janson, chefe da Plataforma Global de Materiais de Resina da TE, acrescenta: "É por isso que para nós, como uma empresa que opera globalmente, é fundamental ter um parceiro de cooperação como a BASF, com o qual podemos encontrar a combinação ideal de material e peça. Esta é a única maneira que podemos entregar componentes seguros e confiáveis para o mercado como um todo".

Os conectores de alta voltagem podem ser identificados pela sua cor laranja típica (cor desenvolvia pela BASF Color Solutions). A poliamida pigmentada da BASF possui cor estável e é resistente à degradação térmica. Na faixa sensível de voltagens elevadas, a codificação de cores dos componentes individuais é particularmente relevante para a segurança, já que a tonalidade precisa permanecer bem visível por pelo menos dez anos. A BASF otimizou as travas dos conectores utilizando a sua ferramenta de simulação Ultrasim. A solução prevê com precisão o comportamento de travamento do componente no processamento e na utilização, permitindo a economia de tempo de produção e custos.

As características da aplicação de Ultramid e Ultradur no mercado de veículos elétricos e híbridos estão de acordo com as rigorosas normas da IEC 62196-1 e passam no teste de fio incandescente da IEC 60695-2-11 (a 850°C para as peças moldadas em material isolante que contém partes condutoras e a 650°C para todas as outras peças moldadas em material isolante). 

Os materiais para conectores plug-in que ficam instalados próximos à bateria são resistentes a temperaturas elevadas, atuam como elementos “refrigeradores” e são equipados com retardante de chamas, caso necessário. Eles contribuem para que as peças apresentem baixo empenamento, fiquem bem fixadas e apresentem resistência à fluência. Os materiais utilizados para conectores plug-in utilizados no sistema de carga elétrica se destacam, entre outras coisas, por sua retardância à chama, resistência ao impacto e à fluência, bem como pelas excelentes propriedades de isolamento. O portfólio da BASF também inclui plásticos que contêm retardantes de chamas e cumprem com a Diretiva de Restrição de Substâncias Perigosas (RoHS – Restriction of Hazardous Substances Directive). Outras informações técnicas estão disponíveis no Ultraplaste Infopoint: ultraplaste.infopoint@basf.com, +49 621 60-78780.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!