terça-feira, 15 de dezembro de 2015

Alpha Esportes: Jaguar vai ter equipe própria na Fórmula E




Entrada da marca na categoria reforça o trabalho de desenvolvimento da Jaguar Land Rover no mundo dos carros elétricos

Texto e Fotos: Assessoria de Imprensa

A Jaguar anunciou seu retorno ao mundo do esporte a motor. Durante o outono de 2016, a marca britânica terá sua estreia na terceira temporada na emocionante Fórmula E com equipe própria. A categoria é a primeira a promover um campeonato mundial de monopostos movidos à eletricidade.

A FIA Fórmula E oferece uma grande oportunidade para a Jaguar Land Rover trabalhar no desenvolvimento de tecnologias para futuros motores elétricos e baterias.


Nick Rogers, diretor global de engenharia da Jaguar Land Rover, alegra-se: “Estou orgulhoso em anunciar o retorno da Jaguar ao mundo do esporte a motor, com a entrada em uma categoria tão inovadora como a Fórmula E. Os veículos elétricos certamente irão desempenhar um papel fundamental na linha de veículos da Jaguar Land Rover no futuro. Assim, a Fórmula E nos dará uma oportunidade única para promover nosso desenvolvimento de tecnologias de eletrificação. O campeonato irá nos permitir projetar e testar todas essas tecnologias avançadas em condições extremas de desempenho”.

“Estou absolutamente convicto de que, nos próximos cinco anos, nós veremos mais mudanças no mundo do automóvel do que vimos nas últimas três décadas. O futuro é estar cada vez mais conectados e sustentáveis. A eletrificação e as tecnologias leves estão se tornando mais importantes do que nunca. A Fórmula E reconhece isso e reagiu à essas tendências com uma abordagem muito interessante. Esse campeonato mundial pioneiro é uma oportunidade perfeita para nossa marca”, complementa Rogers.

A Jaguar Land Rover emprega atualmente cerca de 8 mil engenheiros e é a empresa que mais investe em pesquisa e desenvolvimento no Reino Unido dentro de qualquer setor. A equipe Jaguar de Fórmula E poderá utilizar-se desta imensa força de trabalho, uma vez que os engenheiros da empresa trabalharão em estreita colaboração com os membros da equipe de corrida.

Esses engenheiros não só serão capazes de aplicar seus conhecimentos em um ambiente de competição extrema, mas, principalmente, poderão usar essa experiência para extrair dados e ampliar os limites da tecnologia elétrica em situações que exigem alto desempenho.

O departamento de engenharia avançada da Williams será um dos parceiros técnicos da equipe Jaguar de Fórmula E, ao fornecer um extenso conhecimento dos esportes a motor, combinado com a grande experiência e sucesso no desenvolvimento de sistemas elétricos de alto desempenho.


A Jaguar Land Rover mantém um duradouro relacionamento com a Williams, que se associou à marca Jaguar para o desenvolvimento do conceito híbrido C-X75. A entrada da equipe Jaguar na Fórmula E foi concedida pelos responsáveis pela categoria e aprovada pela Federação Internacional de Automobilismo (FIA).

O CEO da Fórmula E, Alejandro Agag, comentou: "Estamos muito felizes em receber a Jaguar na Fórmula E. Ela é uma marca com uma riquíssima herança esportiva e o fato de estar de volta ao automobilismo mundial com a Fórmula E é um grande endosso de que o campeonato tem uma imensa capacidade de influenciar o desenvolvimento de veículos elétricos. A Jaguar traz consigo uma base de fãs apaixonados que irá contribuir diretamente no aumento da popularidade do campeonato em todo o mundo. Tudo isso mostra, mais uma vez, que a Fórmula E é o futuro do automobilismo".

Para o presidente da FIA, Jean Todt, “existe um enorme prazer para a FIA receber a Jaguar como um novo fabricante que entra no campeonato mundial de Fórmula E. Nós desenvolvemos esta categoria para oferecer uma competição alternativa aos fabricantes de veículos que desejam entrar no esporte a motor e desenvolver tecnologias elétricas relevantes para o uso comum. A escolha da Jaguar em voltar ao mundo do esporte a motor por meio da Fórmula E é uma prova do sucesso da categoria, que conseguiu atrair uma das marcas mais prestigiadas e históricas em toda a indústria automotiva. Desejo-lhes sucesso à frente de sua chegada na temporada 2016/2017".

Já o diretor da equipe Jaguar na Fórmula E, James Barclay disse: "Estudamos bastante cada uma das formas alternativas do retorno da Jaguar ao esporte a motor. Esta foi uma decisão muito importante para a marca e queríamos acertar em cheio. Com os nossos planos futuros de desenvolver sistemas elétricos, a Fórmula E foi a escolha óbvia e acreditamos que os benefícios serão enormes. A FIA e os responsáveis pela categoria têm planos emocionantes para o futuro do campeonato e estamos orgulhosos de ser um dos primeiros fabricantes de veículos se comprometer com uma equipe própria. Temos muito trabalho a fazer antes da primeira corrida, mas é um desafio que queremos saborear. Esperamos que possamos acolher uma nova geração de fãs para Jaguar”.

Mais detalhes do retorno da Jaguar às competições, incluindo uma apresentação da equipe, pilotos e parceiros serão divulgados mais próximos ao início da temporada 2016/2017.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!