sábado, 26 de dezembro de 2015

Coluna "Mecânica Online": Tecnologia permite identificar motoristas na contramão




Tarcisio Dias*

Estudos sobre o trânsito apontam que motoristas trafegando na contramão são ocorrências bem comuns. Em torno de dois mil avisos como esses são difundidos pela rádio alemã anualmente e também, com muita frequência, estes incidentes resultam em acidentes graves. 

De acordo com estatísticas, aproximadamente cada um terço desses incidentes terminam fatalmente - no pior caso, antes que o veículo tenha percorrido apenas 500 metros. Entretanto, é necessário muito tempo para que avisos de motoristas na contramão sejam difundidos pelo rádio, o que pode ser tarde demais. 

A Bosch está desenvolvendo uma nova solução que alerta os motoristas de forma mais rápida. O novo aviso de contramão da Bosch, com base na nuvem de dados, é projetado para emitir um alerta em menos de 10 segundos. 

"A Bosch está desenvolvendo um anjo da guarda na nuvem de dados", diz Dr. Dirk Hoheisel, membro da Direção Executiva da Robert Bosch GmbH. Como um módulo de software único, esta função de alerta também pode ser integrada, com baixo custo, à sistemas de infoentretenimento ou a aplicativos já existentes. A Bosch planeja iniciar a produção desta tecnologia em 2016. 

Para detectar a condução na direção errada, a função baseada na nuvem compara os movimentos reais do veículo com o sentido permitido no percurso. As informações são armazenadas em um banco de dados baseado na web. Se houver conflito entre as duas informações, o motorista na contramão é alertado sobre seu erro. Ao mesmo tempo, os veículos próximos também são informados. 

A função se baseia em um relatório regular e anônimo da posição de cada veículo, que é encaminhado para nuvem - uma central de dados onde as informações são armazenadas e analisadas a partir da internet. Quanto mais veículos estiverem conectados, mais intensa será a rede de segurança invisível e mais usuários da rodovia poderão ser avisados sobre motoristas na contramão. 

Configuração com custo benefício - Esta nova função será disponibilizada como um serviço de nuvem a partir de 2016. O sistema poderá ser integrado a outros aplicativos existentes, tais como Bosch myDriveAssist, assim como em soluções de infoentretenimento das montadoras. Em médio prazo, a solução também poderá ser integrada a conceitos de chamada de emergência, como eCall.

O alerta de motorista na contramão exige uma conexão contínua com a internet. Para isso, o veículo deve ter uma solução de infoentretenimento apropriada ou o smartphone do motorista deve estar conectado ao veículo usando uma solução de integração, como Bosch mySPIN. 

Geralmente uma destas opções de conexão já está instalada ou pode ser facilmente adaptada, ou seja, não é necessário integrar nenhum hardware adicional. Dessa forma, a solução de nuvem pode ser considerada global pelo custo benefício oferecido. "Nosso objetivo é ter uma rápida aceitação pelo mercado, para que o sistema possa realizar por completo seu potencial de salvar vidas, o mais breve possível", diz Hoheisel. 

Bosch usa a conectividade para novos serviços - A Bosch está fazendo com que o carro seja uma parte ativa da internet. Os sensores, por exemplo, coletam um grande número de informações tanto de dentro do veículo quanto do seu entorno. Em seguida, a Bosch sincroniza estes dados em uma nuvem. 

A IoT Suite Bosch, fabricada pela subsidiária Bosch Software Innovations, é a base tecnológica para os aplicativos da Internet das Coisas (IoT). O sistema oferece todas as funções necessárias para conectar dispositivos, usuários, empresas e parceiros em uma plataforma IoT. 

Finalmente, e não menos importante, a Bosch oferece um número cada vez maior de serviços baseados nesta plataforma. Para Hoheisel, não há dúvidas de que a conectividade "torna a direção ainda mais segura, eficiente e conveniente". 

Há dois exemplos automotivos já disponíveis: com o uso do aplicativo da Bosch, os motoristas de veículos elétricos ou híbridos podem usar seus smartphones para encontrar pontos de abastecimento e pagar pela recarga em qualquer posto na Alemanha com facilidade. 

Quase todos os pontos de carregamento públicos e habilitados na web na Alemanha já fazem parte desta rede. 

A Bosch também oferece o gerenciamento de frota para operadores logísticos, tais como transporte de mercadoria e empresas de aluguel de carro. Um módulo de comunicação Bosch armazena dados operacionais do veículo, tais como quilometragem, posição e mensagens de erro. Essas informações ajudam a otimizar as operações e o planejamento do serviço.

*Tarcisio Dias – Profissional e Técnico em Mecânica, além de Engenheiro Mecânica com habilitação em Mecatrônica e Radialista, é gerente de conteúdo do Portal Mecânica Online® (www.mecanicaonline.com.br) e desenvolve a Coleção AutoMecânica. E-mail: redacao@mecanicaonline.com.br.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!