quinta-feira, 31 de março de 2016

Alpha Notícias: Toyota Mirai conquista o "Carro Verde Global do Ano"




Modelo foi escolhido entre oito competidores de todo o mundo

Texto e Fotos: Assessoria de Imprensa

O Toyota conquistou o prêmio "Carro Verde Global do Ano". O modelo foi escolhido entre oito competidores de todo o mundo. Fatores como emissões de poluentes, consumo de combustível e uso de tecnologias avançadas capazes de aumentar a responsabilidade ambiental do veículo foram considerados na avaliação da premiação.

"Assim como o Prius mudou o mundo há quase 20 anos, o Mirai movido a hidrogênio está pronto para fazer história", disse Bill Fay (foto), vice-presidente da Toyota Division Group. "Com quase 500 km de autonomia por tanque, tempo de abastecimento menor que cinco minutos e emissões apenas de vapor de água, o Mirai está conduzindo o mundo para um futuro mais sustentável”, afirma.

Todos os veículos – concorrentes em todas as categorias do prêmio – foram selecionados e votados por um júri internacional composto por 73 jornalistas automotivos de 23 países ao redor do mundo. 


Sobre o Mirai 

O Mirai é equipado com um motor elétrico, uma bateria, dois tanques de hidrogênio de alta pressão com capacidade máxima de 70 Mpa, um conversor elevador de tensão, uma central de comando e a célula de combustível a hidrogênio localizada no centro do assoalho do veículo. É dentro desta estação que a reação química para colocar o Mirai em movimento ocorre. 

O veículo capta o oxigênio da atmosfera por meio de sua entrada de ar frontal e o leva até esta estação, para onde o hidrogênio contido nos dois tanques também é direcionado. Dentro dela, a célula combustível divide o hidrogênio em duas moléculas, gerando uma carga elétrica. Ao mesmo tempo, o oxigênio se une às células de hidrogênio, formando água. A energia elétrica é direcionada ao conversor, que alimenta o motor do Mirai, e a água é expelida pela válvula de escape. O motor também é alimentado diretamente pela bateria, recarregada por energia cinética gerada pela desaceleração e frenagem do automóvel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!