domingo, 21 de agosto de 2016

Alpha Serviços: Inscrições para o Renault Experience 2.0 são iniciadas




Programação tem duração até agosto de 2017

Até o dia 11 de setembro de 2016, no site www.renaultexperience.com.br, estudantes de todo o Brasil já podem fazer sua inscrição on-line no Renault Experience 2.0. A iniciativa do Instituto Renault foi totalmente reformulada, de forma a estimular o empreendedorismo e a inovação entre universitários por meio do modelo de startups. 

O Renault Experience será conduzido por meio de uma plataforma on-line. Não é necessário ter uma ideia pronta para se inscrever. O programa foi construído de forma a ajudar as equipes participantes a gerar ideias e desenvolver seus projetos com o tema Mobilidade e Conectividade. Além disso, os estudantes contarão com mentoria e acompanhamento de profissionais experientes, executivos da Renault e dos parceiros ao longo do processo.

Desenvolvido em conjunto com a Hotmilk, uma das maiores aceleradoras de startups do Paraná, o novo Renault Experience 2.0 conta com parceiros estratégicos como o Banco Renault, Michelin e o apoio institucional do Sebrae, Senai, Agência Help e da Renault-Nissan Consulting.

Conheça as fases do Renault Experience 2.0

Ideathon – Na primeira etapa, as equipes receberão diversos conteúdos inspiradores para gerar insights e formular ideias, que serão prototipadas e testadas.

Business Lab – Nesta fase, o serviço ou produto criado será transformado em um modelo de negócio até ganhar a forma de uma startup.

Aceleradora Renault – Na reta final, três equipes serão instaladas na Aceleradora Renault, em Curitiba, com tudo pago, onde passarão por uma preparação intensiva de três semanas para fazer a empresa decolar.

Como participar

Estudantes de todo o Brasil podem se inscrever. Para entrar para o programa, é necessário montar uma equipe de três a cinco pessoas. 

Todos os integrantes devem estar matriculados em um curso superior, em qualquer instituição, período ou área. A equipe também deve ser multidisciplinar, o que proporciona mais criatividade e poder de inovação. 

Ela deve conter alunos de, no mínimo, dois cursos diferentes, mas todos devem ser da mesma instituição de ensino. Por fim, a instituição deve indicar um professor ou professora que vai orientar os estudantes no projeto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!