terça-feira, 2 de maio de 2017

Alpha Notícias: Polo Automotivo Jeep comemora dois anos de produção




Localizado em Pernambuco, local já produziu mais de 220 mil veículo

Inaugurado em 28 de abril de 2015, o Polo Automotivo Jeep completa dois anos de operação com mais de 220 mil modelos dos Jeep Renegade e Compass, além da picape Fiat Toro, produzidos. Desse total, mais de 30 mil foram exportados para países da América Latina como Argentina, Colômbia, Chile, Paraguai e Uruguai. Neste mês de abril, o Jeep Renegade desembarcou também no México, o destino mais longo até agora. São de 15 dias de navio, partindo do Porto de Suape.

“A produção do Polo trouxe a marca Jeep para a liderança da categoria dos SUVs, com o Renegade e o Compass. Celebrar os dois anos de operação da fábrica representa a consolidação de nossos valores, que são a autenticidade, a liberdade, a aventura e a paixão”, afirma Gabriel Razzotti, diretor de Marca da Jeep para América Latina.

Com cerca de 8 mil empregados, entre planta Jeep e Parque de Fornecedores, a idade média entre os colaboradores é de 29 anos. “Passamos da fase de start up para uma operação de alto nível. Investimos na nova geração. O engajamento e a motivação desse time são os responsáveis pelo sucesso que alcançamos e pelo rápido crescimento profissional da equipe”, destaca Glauber Fullana, plant manager da fábrica pernambucana.

Para garantir o padrão de excelência, o Polo se tornou referência no World Class Manufacturing (WCM), sistema de produção adotado em todas as fábricas da FCA no mundo. A planta Jeep foi pensada com layout inovador e sistema de gestão que prioriza o combate ao desperdício, o desenvolvimento das pessoas e a utilização de métodos e ferramentas para eficiência máxima dos processos. A busca por aprimoramento é constante. Em dois anos de operação, já foram mais de 800 projetos de melhorias de processos desenvolvidos pelos próprios colaboradores.

Produzir no mais avançado processo de fabricação garante ao Polo Jeep a possibilidade de competir nos mais exigentes mercados globais. A vocação para exportação fez do Polo o principal responsável pelo crescimento de 147% na movimentação do pátio de veículos no Porto de Suape no ano passado. Somente no primeiro trimestre deste ano, o crescimento foi de 48% em relação ao mesmo período de 2016, com a exportação de 8,3 mil carros da FCA, o que equivale a 72% do total de veículos que passam pelo porto.

Meio Ambiente

Erguido em uma área onde predominava a cultura da cana-de-açúcar, o Polo Automotivo Jeep promove o resgate e a conservação da biodiversidade nativa da Mata Atlântica. Como resultado do Programa Biodiversidade Jeep, já foram plantadas mais de 60 mil mudas de 289 diferentes espécies, sendo 27 em extinção, produzidas em viveiro próprio. O trabalho segue focado em alcançar a meta de replatio de 208 mil mudas, além da criação de 304 hectares de área verde e da formação de corredores ecológicos para atração da fauna local. É um dos maiores projetos de conservação da Mata Atlântica em curso no país.

Por meio do programa, estudantes e moradores da comunidade local participam de atividades de educação ambiental. O viveiro, considerado o maior do Nordeste, transforma-se em sala de aula para promover experiências de aprendizagem sobre meio ambiente. Mais de 2 mil adolescentes já participaram do circuito. Os cuidados com a sustentabilidade também estão presentes na área produtiva, com ações como o envio de 100% dos resíduos gerados para reciclagem e reutilização (Aterro Zero) e a redução de 82% do consumo de água por veículo produzido. O Polo conta com uma Ilha Ecológica e um Complexo de Tratamento de Efluentes, com capacidade de recírculo de 99,4% das águas industriais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!