segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Alpha Testes: Toyota SW4 está pronta para todos os desafios




Versão com motor diesel se destaca tanto no uso urbano como off-road

A Toyota comercializa no Brasil cinco versões da linha SW4: SR com cinco assentos, SR com sete assentos e SRV com sete assentos, todas com motorização flex. E a SRX com cinco ou sete lugares com motorização diesel – e foi essa que tivemos a oportunidade de conhecer e avaliar.


Um dos destaques da versão é o conforto e o silêncio que, em alguns momentos, faz veículo com motorização diesel e 177 cavalos de potência, capaz de encarar com facilidade os desafios encontrados em qualquer situação off-road.


Seu visual renovado, que deixou o modelo mais distante do “primo” Hilux, é marcado pelo faróis de neblina dianteiros em LED e, pensando também no passageiro, ajuste elétrico no assento. 

Seu acabamento interno em padrão madeira no console central e volante, console entre os bancos dianteiros com porta-copos, porta-objetos e descansa-braços, revestimento dos bancos em couro e material sintético marrom, maçanetas internas cromadas, luz de leitura em LED, porta-objetos com porta-garrafas nas portas, porta-copos no painel, porta-luvas com chaves e amortecedores, terceira fileira de bancos rebatíveis, saída de ar central com difusores no teto e controle de intensidade para as fileiras traseiras, tomadas de energia (12 V) para acessórios no painel, console central e no porta-malas, compartimento refrigerado no painel são outros destaques da versão.

Seu motor de 2.8 litros de quatro cilindros em linha com 16 válvulas, DOHC com corrente de distribuição tem turbocompressor de geometria variável, intercooler e sistema de injeção eletrônica direta common rail. Esta evolução melhorou o nível de consumo de combustível em cerca de 11% em comparação com a geração anterior, como também o desempenho, entregando 177 cavalos de potência a 3.400 rpm, e 45,9 kgfm, entre 1.600 e 2.400 rpm.

Sua transmissão é automática de seis velocidades, sequencial e a tração pode ser 4x2, 4x4 ou 4x4 reduzida.


No Toyota SW4 a dianteira conta com a grade cromada, faróis com luzes de halogênio, para-choque com formato tridimensional com molduras cromadas, conferindo profundidade aos faróis de neblina.

As superfícies esculpidas dos para-choques dianteiro e traseiro são destacadas por um eixo que se conecta a toda lateral do modelo. As soleiras, os espelhos retrovisores com rebatimento elétrico, assim como a luz interna e de ignição visam facilitar o acesso ao veículo.

Na traseira, os faróis traçam uma linha contínua pelo bagageiro, complementando-se com a moldura cromada. Os faróis de neblina da traseira foram incorporados ao para-choque, reforçando a segurança, com um toque estético refinado.

O spoiler traseiro, os trilhos do teto e a antena, em estilo barbatana de tubarão, concedem ao carro um senso de esportividade apurado, ao proporcionar melhor performance aerodinâmica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!