Pesquise no Google

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Alpha Esportes: Tudo pronto para uma das corridas mais tradicionais do automobilismo brasileiro




Edição da 500 Km de Interlagos 2019 acontecerá no dia 21 de dezembro 

A corrida 500 Km de Interlagos 2019, uma das mais tradicionais do automobilismo brasileiro, acontecerá no dia 21 de dezembro, dando prosseguimento a uma história iniciada em 1957. As inscrições estão abertas e podem ser feitas no Automóvel Clube Paulista pelo e-mail 500km@500kmdesaopaulo.com.br.


“Com esta distribuição de classes, priorizando carros de turismo e protótipos nacionais, incentivamos a participação de muitos carros bons que estavam parados por não terem categorias específicas no calendário. Ao mesmo tempo, preservamos a essência dos 500 Km, que é ter um grid com carros variados e incentivo à criatividade dos preparadores e mecânicos”, explica Silvio Zambello, presidente do Automóvel Clube Paulista, organizador da prova. 

Nesta edição, os participantes serão divididos em seis categorias: Turismo 1.6, Turismo 2.0, Turismo Força Livre, Protótipos P3, Protótipos P2 e Copa HB20. A inclusão desta última se deve ao grande interesse dos pilotos da categoria, iniciada neste ano e aberta somente a modelos Hyundai HB20. 

A programação oficial será iniciada no dia 19 de dezembro (quinta-feira) com a realização de treinos livres. Os treinos oficiais e a definição do grid de largada acontecerão no dia 20 (sexta) e a largada da prova, no sábado 21 de dezembro, será antecedida pelo warm-up. Categorias como Sprint Race, Old Stock e outras do Campeonato Paulista também fazem parte da programação, fazendo do fim de semana um autêntico festival de velocidade. 

História 

A primeira edição dos 500 Km de Interlagos foi realizada em 1957, diferenciando-se por acontecer no anel externo do traçado original de Interlagos. Uma clara inspiração nas 500 Milhas de Indianápolis: o anel externo, apesar de ter curvas somente para a esquerda como a pista norte-americana, não era um oval propriamente dito, mas permitia altas médias horárias. Esse atrativo fez a corrida ganhar importância rapidamente e se transformar em uma das mais aguardadas do calendário anual de automobilismo. 

A prova deixou de acontecer em alguns anos devido a fatores diversos, em especial reformas no autódromo e restrições governamentais de uso de combustível para provas automobilísticas. A partir de 1997, entretanto, os 500 Km voltaram com força, já no traçado único que Interlagos passou a ter com as reformas concluídas no início de 1990. Entre 2014 e 2017, a prova aconteceu no Autódromo Velo Città, em Mogi Guaçu (SP), e teve seu nome alterado para 500 Km de São Paulo. O nome original foi retomado em 2018, com a volta da corrida a Interlagos. 

Vencedores dos 500 Km de Interlagos: 

1957 – Celso Lara Barberis/Ruggero Peruzzo (Maserati-Corvette)
1958 – Fritz D’Orey (Ferrari-Corvette)
1959 – Celso Lara Barberis (Maserati 300S)
1961 – Celso Lara Barberis/Ruggero Peruzzo/Emilio Zambello (Maserati 450S)
1962 – Roberto Gallucci (Maserati-Corvette)
1963 – Roberto Gallucci (Maserati-Corvette)
1964 – Ciro Cayres/Fernando “Toco” Martins (Abarth Simca)
1965 – Jayme Silva (Abarth Simca)
1966 – Luiz Pereira Bueno (Alpine A110 Renault)
1967 – Totó Porto (Aranae Fórmula Vê)
1970 – Luiz Pereira Bueno (Protótipo Bino MKII Renault)
1971 – Luiz Pereira Bueno/Lian Duarte (Porsche 908/2)
1972 – Reinhold Joest (Porsche 908/3)
1973 – Bird Clemente/Nilson Clemente (Ford Maverick)
1974 – Tite Catapani (Ford Maverick)
1982 – Luís Alberto Pereira/Nabil Khodair (Chevrolet Opala)
1997 – André Lara Rezende/Antônio Hermann (Porsche 911 GT2)
1999 – José Ney Fonseca/Antonio Chambel Filho (Protótipo Aldee Coupé VW)
2000 – Flávio de Andrade/Ruyter Pacheco (Protótipo Tango BMW)
2001 – Flávio de Andrade/Ruyter Pacheco (Protótipo Tango BMW)
2002 – Paulo Bonifácio/Max Wilson (Porsche 911 GT3 RS)
2003 – Alcides Diniz/Paulo Gomes/Pedro Gomes (Mercedes-Benz CLK)
2004 – Xandy Negrão/Guto Negrão (Audi TT DTM)
2005 – Frederico Canepa/Charles Rothschild/Álvaro P. Aguiar Neto (Protótipo Spyder Race)
2006 – Lucas Molo/Nelson Silva Jr. (Ferrari 550 GT)
2008 – Marcel Visconde/Max Wilson (Porsche 911 GT3 RSR)
2009 – Chico Longo/Daniel Serra (Ferrari F430)
2010 – Chico Longo/Daniel Serra (Ferrari F430)
2013 – Alexandre Finardi/Nelson Silva Júnior (Protótipo MRX)
2014 – Euclides “Kid” Aranha/Cláudio Capparelli (Radical SR8)
2015 – Ingo Hoffmann/Guilherme Spinelli/Leandro de Almeida (Mitsubishi Lancer)
2016 – Henrique Assunção/Fernando Fortes/Emílio Padrón (MRX)
2017 – Marcel Visconde/Ricardo Mauricio/Max Wilson (Porsche 911 GT3 R)
2018 – Chico Longo/Marcos Gomes/Victor Franzoni (Lamborghini Huracán GT3)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana

Coisa Velha

Jornal BLEH!