Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

quinta-feira, 28 de janeiro de 2021

Alpha Notícias: Engenharia brasileira recebe prêmio global de inovação




Câmeras de alta precisão da TE Connectivity asseguram maior qualidade e eficiência ao processo de fabricação de terminais

A engenharia da TE Connectivity levou o prêmio principal entre as inovações de melhorias apresentadas por todas as unidades da empresa no mundo, com o projeto “Câmera Vision System Terminal Inspection” (Inspeção de Terminais – Sistema de Visão por Câmeras).


O reconhecimento faz parte do TE Best Practice Award, uma premiação mensal voltada para Projetos de Inovações de todas as unidades da TE do mundo. “Essa premiação é a prova irrefutável da alta qualidade, criatividade e competência da engenharia brasileira”, comentou Paulo Trevisan, gerente de Engenharia de Manufatura da TE.

O projeto, que teve um investimento de apenas 43 mil dólares, prevê a instalação de um sistema de câmeras de alta eficiência capaz de fazer até duas mil inspeções por minuto. Os autores da ideia são os engenheiros de manufatura da TE, Rafael Vaz, Jackson Oliviera, Marcelo Silveira; e o supervisor de engenharia de manufatura da TE, Tyrone Hewitt.

A TE conta com 20 prensas de alta precisão com alta velocidade de processamento, que são fabricadas na Suíça e produzem cerca de 240 milhões de terminais/mês, destinados para a indústria automotiva, eletrônica e eletrodomésticos tanto para o mercado interno como externo. Em dois desses equipamentos, foram instaladas as Câmeras de Inspeção de Terminais do Sistema de Visão, pois os engenheiros da TE detectaram que o sistema tradicional não é capaz de inspecionar micro falhas de solda a laser. As peças consideradas “ruins” dependem de verificação manual dos operadores, procedimento que pode estar sujeito a erro humano.

“Tivemos muitos benefícios com as câmeras de alta eficiência para a inspeção de solda, como por exemplo, o corte e separação automática de peças ruins. O principal ganho está na qualidade do produto, evitando assim eventuais reclamações de cliente ou gastos com seleção de peças. Como o sistema é mais eficiente e permite maior produtividade das máquinas, iremos construir mais equipamentos para atender as demais prensas e já temos até demanda das demais unidades da TE em outros países, como nos EUA”, pontua Paulo Trevisan, gerente de Engenharia de Manufatura da TE.

A solução será exportada para outras unidades da TE no mundo. “Com os resultados positivos desta inovação, a TE dos EUA já encomendou cinco equipamentos como esse”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana