Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

quarta-feira, 14 de abril de 2021

Alpha Notícias: O que poderia salvar o setor automotivo da crise da Covid-19?




Marcos Gonzalez*



Inteligência, tecnologia e especialização em regimes tributários. Com esses três elementos, a Becomex forma uma composição especial que vem abrindo caminhos para que fabricantes de veículos e sua cadeia de fornecedores vençam o emaranhado fiscal brasileiro.

O ano de 2020 não foi fácil e trouxe aprendizados que entrarão não só para os livros de história como também para os melhores livros de administração. A pandemia que teve início em março do ano passado afetou a economia global, com forte impacto no setor automotivo. Aqui no Brasil, por exemplo, as vendas de veículos novos tiveram uma queda de 21,6% em 2020 de acordo com a Fenabrave - Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores.

Algumas ações para a recuperação do setor automotivo já foram e continuam sendo desencadeadas pelas fabricantes, pois logo após ser decretada a pandemia a produção foi praticamente zerada, com uma retomada mais significativa a partir do mês de junho.

Melhorar o estoque, dos atuais 18 dias será uma das ações necessárias. A falta de insumos ainda afeta a produção, mas com tendência de estabilidade. E com o aumento da produção, a consequência natural será chegar à um limite ideal de estoque, que não deverá ser mais os 35 dias do passado.

Outra ação envolve o mercado externo e está relacionada à Argentina, nossa principal parceira de exportação no setor automotivo, que vem se recuperando pouco a pouco. Isso já se reflete positivamente sobre o mercado brasileiro.

Olhando para o mercado interno, novos produtos e serviços podem contribuir com a recuperação do setor, como exemplo as locações de veículos das próprias montadoras.

Além disso, a redução de custos, com a diminuição de viagens, manutenção do home-office etc, que vem impactando positivamente as despesas administrativas.

A Becomex também contribui para que o setor automotivo consiga se capitalizar com ações de curto, médio e longo prazos, com os seus serviços e soluções dos Regimes Especiais, como Drawback, Recof-Recof SPED, Ex-tarifário, Reintegra e o BCC – Business Collaboration Chain, que favorecem toda a cadeia produtiva.

Com ações positivas e a manutenção da produção e licenciamento semelhantes ao quarto trimestre de 2020, é bem provável que em 2021 poderemos ter uma realidade do setor automotivo já próxima do ano de 2018, com a produção ao redor de 2.8 milhões de unidades.

*Marcos Gonzalez é o diretor responsável pelo segmento automotivo da Becomex. Formado em Engenharia, com pós-graduação em Administração e MBA em Gestão Fiscal e Tributária, o executivo acumula mais de 35 anos de experiência profissional em empresas do setor automotivo. Gonzalez tem sólida carreira desenvolvida em empresas multinacionais com forte experiência na prospecção e desenvolvimento de novos negócios, junto a clientes no exterior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana