Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

sexta-feira, 23 de abril de 2021

Alpha Serviços: A importância da manutenção do sistema de freios do veículo




Procedimento é fundamental para garantir a segurança dos ocupantes

A manutenção correta do sistema de freios é fundamental para garantir a segurança dos ocupantes de um veículo, dos pedestres e manter um trânsito mais seguro. E, entre os componentes desse sistema, as pastilhas de freio são as que sofrem maior desgaste.


Compostas de uma base metálica sobre a qual é depositado um composto produzido com diversos componentes especiais, cuja característica principal é o elevado coeficiente de atrito, as pastilhas de freio têm a única função de reduzir a velocidade ou parar o veículo através do atrito.

Quando acionamos o pedal de freio, elas são comprimidas contra os discos de freio, gerando uma força de atrito capaz de reduzir a rotação das rodas, o que consome o material da pastilha de freio. Se o material das pastilhas for totalmente consumido, restando apenas a placa metálica, o atrito é reduzido drasticamente, comprometendo a segurança. Por isso, a regra número um que deve ser seguida por todos os motoristas é ficar sempre atento às condições das pastilhas de freios para não haver o risco de acidentes.

Vale destacar também que o atrito gera calor, e em condições específicas esse calor pode comprometer a eficiência das pastilhas e até mesmo condená-las. O melhor exemplo de situação em que isso pode ocorrer é descer uma serra em ponto morto.

Nessa condição, controlar a velocidade do veículo somente utilizando os freios por um longo período poderá superaquecer as pastilhas e gerar um efeito chamado vitrificação, que anula o atrito das pastilhas e, consequentemente, o veículo pode ficar sem freios. Além disso, o calor também pode provocar superaquecimento do fluido de freio e reduzir sua eficiência.

Para evitar os fenômenos gerados pelo calor no sistema de freios, especialmente como no exemplo citado, o motorista deve sempre manter o veículo engatado, aproveitando o chamado freio motor. Nos veículos com câmbio automático, essa função também é automática. Dependendo da velocidade e da intensidade do acionamento do pedal de freio, o sistema reduz automaticamente as marchas, criando o efeito freio motor.

Alguns sinais, como pedal do freio baixo e ruído excessivo ao frear, indicam que as pastilhas estão gastas e chegou a hora de procurar uma oficina mecânica. Isso deve ser feito o quanto antes. Dependendo do desgaste das pastilhas, elas danificarão os discos de freio, que deverão ser retificados ou mesmo substituídos, e o barato pode sair caro.

A substituição das pastilhas de freio deve ser feita sempre por eixo, isto é, cada lado do mesmo eixo deve receber um novo jogo de pastilhas. Esse cuidado garante que o carro fique sempre estável durante a frenagem, mantendo seu controle direcional. Essa dica também deve ser seguida para outros componentes do sistema de freios, como lonas, tambores e cilindros, ainda utilizados nos eixos traseiros de muitos modelos de veículos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana