sábado, 5 de junho de 2021

Alpha Pesados: Saiba como ampliar a vida útil das baterias utilizadas em veículos pesados




Dicas bem interessantes ajudam no armazenamento de energia do equipamento

A vida útil da bateria para caminhões está relacionada ao segmento de trabalho de cada veículo. Os que trafegam em rodovias, por ter maior ventilação, tendem a ter durabilidade superior em relação a um veículo que trabalha somente em baixa velocidade.


“Fatores como horas de trabalho do veículo podem influenciar. O tempo em que o veículo fica parado, mas com acessórios ligados como ar condicionado, climatizadores, geladeiras, rádios etc. podem diminuir muito a vida da bateria”, explica Rodrigo Domingues, engenheiro de aplicações e vendas da Clarios.

Para elevar a vida útil da bateria nos veículos pesados, confira as dicas a seguir:

* Manter o estado de carga da bateria sempre superior a 80% para que o desempenho seja alcançado;

* Terminais, cabos elétricos e o sistema de carga e partida têm um papel fundamental na passagem da energia que entra e sai da bateria. Então, o indicado é sempre observar o estado desses componentes;

* A bateria é um componente altamente impactado pelo ambiente em que está aplicada. Fatores como temperatura, vibração e armazenamento podem comprometer o correto funcionamento e causar danos irreversíveis ao produto;

* Detalhes simples como controle de carga no armazenamento antes da instalação, fixação do conjunto no alojamento do veículo, limpeza dos terminais, verificação dos níveis de solução ácida, entre outros, são cuidados que interferem diretamente na vida útil;

* O funcionamento incorreto do motor a combustão pode alterar a carga e a descarga que a bateria recebe, permitindo que ocorram falhas de forma prematura.

Sinais como partida “pesada”, oscilações em lâmpadas e aquecimento excessivo na bateria podem indicar que o produto já está chegando no final de vida. Para confirmar que é hora de fazer a substituição, o correto é sempre aplicar o teste de capacidade de corrente de partida que indicará se o produto deve ou não ser mantido em uso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana