Campanha AACD Teleton 2021

Cursos Mecânica Online

domingo, 15 de agosto de 2021

Alpha Serviços: Você sabe o que tem nos aditivos dos combustíveis?




Eles possuem detergentes que dissolvem os resíduos formados naturalmente pelos vapores liberados pelos lubrificantes

Recomendados por montadoras, especialistas e apaixonados por veículos, os combustíveis aditivados limpam, protegem e trazem mais performance e rendimento para o motor. O uso contínuo evita o acúmulo de partículas que podem prejudicar o desempenho, o que reflete em um veículo com menos problemas a médio e longo prazo.

"Para o motorista usufruir de todos os benefícios dos aditivos, o indicado é que o abastecimento com estes combustíveis seja frequente. A gasolina aditivada precisa de 3 a 5 tanques para limpar o motor por dentro. O uso contínuo mantém as peças do motor limpas e livres de problemas", aconselha Gilberto Pose, especialista em combustíveis da Raízen, licenciada da marca Shell. Pose explica quais são os "ingredientes" básicos dos aditivos encontrados nos combustíveis e como eles atuam no motor do seu veículo.

Os aditivos possuem detergentes que dissolvem os resíduos formados naturalmente com o tempo a partir dos vapores liberados pelos lubrificantes. Estes vapores depositam-se nas válvulas de admissão e na ponta dos bicos injetores, podendo prejudicar o bom funcionamento do motor. Os detergentes presentes nos combustíveis aditivados também previnem a formação de novos depósitos.

"Sem acúmulo de resíduos, a passagem do combustível no interior do motor flui melhor e com um fluxo correto, refletindo em uma melhora na performance e desempenho dos veículos", explica Pose. E os dispersantes fracionam os resíduos em partículas microscópicas para que não ocorra bloqueio nos filtros de combustível.

É importante frisar que esses detergentes são específicos dos aditivos de combustíveis, desenvolvidos especialmente para veículos. Adicionar detergente comum, de cozinha, ao combustível do seu automóvel irá danificar seu motor.

Os aditivos também possuem ativadores de lubricidade, que protegem as partes internas do motor, como os pistões, para que se movimentem mais suavemente, reduzindo o gasto de energia.

As redes de postos de abastecimento oferecem opções de gasolina, etanol e diesel aditivados, sendo que cada distribuidora tem uma fórmula específica dos aditivos que são misturados aos combustíveis comuns.

"Os aditivos de cada rede têm uma característica própria, uma identidade exclusiva. Embora os combustíveis comuns sejam semelhantes em todos os postos de qualidade, as versões aditivadas oferecem benefícios diferentes", explica Pose.

Para que o motorista possa identificar se o combustível que está sendo abastecido é comum ou aditivado, a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), órgão que regulamenta o setor, especifica que cada tipo de combustível tenha uma coloração diferente. "Os corantes adicionados têm apenas função indicativa e não alteram as características ou a qualidade dos combustíveis", tranquiliza o especialista.

Segundo as normas da ANP, o etanol comum deve ser incolor e a gasolina comum deve ter coloração entre incolor e amarelada. Já a versão aditivada recebe corantes específicos em cada distribuidora, como verde ou vermelha. "Para os combustíveis aditivados, a ANP não permite apenas o uso de corante azul, que é utilizado em combustíveis de aviação, ou laranja, que é destinado para situações especiais", esclarece Pose.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens da semana